Pesquise no Blog

December 12, 2016

12 conselhos para festas de crianças cristãs



Como Deus nos deu a bênção de termos 3 filhos e, sendo pastor, a questão das festas de aniversário já ocupou boa parte de nosso tempo e pensamentos. Posto abaixo algumas conclusões que eu e minha esposa temos obtido no decorrer destes anos, em forma de 12 conselhos:

1. Sempre comemore o aniversário da sua criança. Não deixe passar em branco. Nem que seja um bolinho feito em casa na presença apenas dos pais e dos irmãos. Reúna-se em torno da mesa, ore ao Senhor, cante o parabéns e celebre o ano de vida. Tire fotos para registrar o momento.

2. Não ensine materialismo à sua criança. Se para você a coisa mais importante em um aniversário é um buffet luxuoso, roupas impecáveis, a melhor comida e bons presentes, sem querer você pode estar passando ao seu filho a ideia de que coisas são mais importantes que pessoas e do que Deus.

3. Ensine a humildade, não ostentação. As festas infantis de boa parte dos que não temem a Deus são festas de ostentação. Os pais acabam usando o luxo das festas para ostentarem sua condição financeira nas redes sociais. Lembre-se de que Deus nos chama para uma vida de humildade na Sua presença.

4. Buffets oferecem uma estrutura que deixa os pais sem preocupações quanto à comida, entretenimento, etc, todavia, têm custos altos. Se você não tem dinheiro sobrando, saiba que há opções mais baratas. Nos shoppings centers há espaços de brinquedos, com pequenas salas de festas, que podem ser locados para aniversários. O valor é acessível e as crianças desfrutam dos brinquedos. É preciso, porém, atentar para a segurança, pois o local fica aberto para outras pessoas estranhas à festa.

5. Outras opções de festa possíveis são: 1. A escola da criança. Em algumas escolas é possível combinar com a professora e organizar a festa no final de uma aula para os amiguinhos da classe participarem. 2. O salão social da igreja. Algumas igrejas têm salões sociais que comportam bem a festa. Converse com a liderança da igreja sobre esta possibilidade. 3. O salão de festas do prédio. Se você mora em apartamento sabe que, na maioria dos prédios, há um salão de festas. O espaço não costuma ser grande, mas é possível organizar uma festa ali para pessoas mais próximas. 4. Sua própria casa. No passado, quando não havia buffets, essa era a principal opção. Reúna familiares e amigos em sua casa e faça ali uma agradável festa.

6. Tenha critérios com a decoração da festa de sua criança. Hoje vivemos em um mundo mau e, infelizmente, alguns desenhos infantis são sensuais e outros exaltam as obras das trevas por meio do terror. Analise bem os personagens que seu filho tem apreciado.

7. Não permita bebidas alcoólicas na festa da sua criança. A Bíblia não condena a bebida, mas a embriaguez. Todavia, não faz sentido bebida alcoólica em uma festa infantil. Afinal, que tipo de exemplo você quer deixar aos seus filhos?

8. A quem você deve agradecer pela vida do seu filho ou filha? A Deus, sem dúvida. Então, não realize a festa sem um momento de gratidão a Ele. Convide o seu pastor para, antes do partir do bolo, ler e explicar um trecho da Palavra de Deus e dirigir a todos em oração. Este será um momento de gratidão pela vida de sua criança. Isso tem sido esquecido em muitos aniversários de famílias cristãs. Se você é um dos esquecidos, conserte isso. Aliás, lembre-se de que esta é uma excelente oportunidade para pregar o Evangelho aos convidados não-crentes da festa.

9. Como o aniversário de sua criança deve ser uma expressão de gratidão a Deus por mais um ano de vida, troque a trilha sonora do aniversário por músicas mais saudáveis. Hoje em dia há músicas boas, cristãs, que são bem mais apropriadas que algumas trilhas que os buffets utilizam. Faça uma seleção e leve o pendrive ou cd à festa.

10. Em alguns buffets o momento de cantar o parabéns e partir o bolo é uma grande bagunça conduzida pelos funcionários do salão de festas. Se você pretende ter um momento de leitura da Palavra e oração, avise a liderança do buffet que este momento será do seu jeito e não do deles.

11. Cuidado com a exaltação humana. Na vida do cristão quem deve ser exaltado é Deus. Os buffets têm algumas práticas que transformam a homenagem em exaltação desnecessária e prejudicial ao ego da criança. Entradas triunfais, luzes, discursos... fique atento a isso.

12. Nesta sociedade materialista é um grande desafio convencer nossas crianças de que o maior presente é a salvação que temos em Cristo, a presença de pessoas queridas e não os brinquedos recebidos. Mas, semeie os valores corretos no coração da sua criança. Como nos é ensinado em Deuteronômio 6, os valores de Deus devem ser inculcados em nossos filhos durante todo o dia, naquilo que falamos e não falamos. Invista nisso.

Os conselhos acima podem ser facilmente adaptados às festas de aniversário de adultos. Aliás, dia desses, eu tive uma grata surpresa: Fui convidado à festa de aniversário de uma jovem senhora da igreja e, quando cheguei, perguntei ao marido: “Posso dar uma palavra e orar na hora de partir o bolo?” Ao que o marido me respondeu: “Pastor, eu já preparei uma pequena liturgia e uma palavra. O sr. se importa?” “É claro que não”, respondi. O que se seguiu foi um precioso momento de oração, cânticos de gratidão acompanhados por um violão, exposição da Palavra e oração. Eu, feliz, comentei com a minha esposa: “Festa de crente é outra coisa...”

Que Deus nos abençoe para aplicarmos a nossa fé em Cristo em todos os momentos de nossa vida, até nas festas. “Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus” 1 Coríntios 10.31

No comments:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails